Image

Suzano inaugura fábrica de papéis sanitários de Imperatriz Maranhão

A Suzano Papel e Celulose inaugurou na última quarta-feira, 29, oficialmente sua unidade de Imperatriz que produz bobinas usadas na confecção de papéis sanitários (tissue). É a primeira fábrica desse tipo no Estado do Maranhão. A unidade terá capacidade para produzir até 60 mil toneladas de papéis por ano.

O início da produção é mais uma etapa do ciclo de investimentos realizados pela Suzano Papel e Celulose na construção de duas fábricas de papéis sanitários, usados na confecção de papel higiênico, papel toalha, lenços de papel e guardanapos, entre outros itens. A linha da Unidade Mucuri (BA) foi inaugurada em setembro passado, com a mesma capacidade de produção da fábrica maranhense. O investimento estimado na instalação das duas unidades é de R$ 540 milhões.

“O consumo per capita nas duas regiões ainda é inferior à média brasileira e acreditamos que a retomada da economia impulsionará ainda mais o consumo local dos papéis sanitários”, afirmou, em nota, o presidente da Suzano, Walter Schalka.

COMENTÁRIOS